Pelo encravado na virilha - O que fazer, Como Tirar

publicidade:

Além do rosto, a virilha é um dos locais que mais costuma sofrer com pelos encravados, quando um pelo encravado surge na pele, ele pode torná-la avermelhada e as vezes até dolorida, podendo causar muito desconforto, principalmente se ele surgir em áreas como dobras da pele, a fricção causada pelo contato pele com pele pode tornar essa situação ainda mais desagradável do que já é. Portanto saber como lidar com o pelo encravado na virilha é muito importante para não sofrer com esse problema por muito tempo.

Alguns tipos de pessoas são mais propensos a ter esse problema, por exemplo, em pessoa com cabelos grossos ou crespos os pelos encravados costuma ocorrer mais vezes que em pessoas que tem cabelo mais fino.

publicidade:

 

Pelo encravado na virilha

publicidade:

Pelo encravado na Virilha - Como surge

Os folículos pilosos são pequenos orifícios ( tão pequenos que não são vistos a olho nu) por onde nascem os cabelos, por diversos motivos pode ocorrer desses orifícios ficarem bloqueados, impedindo assim que os pelos possam nascer normalmente.

Com isso os pelos não tem outra alternativa senão nascer por dentro da pele mesmo, e de acordo que vão nascendo eles vão se enrolando formando pequenos caroços avermelhados ou bolhas parecidas com as da espinha, que muitas vezes podem até ficar inflamados.

Fatores que contribuem para o surgimento do pelo encravado

  • Usar roupas apertadas
  • Sair ao sol após se depilar
  • Pele morta que se acumula nos folículos pilosos causando a obstrução
  • Pele grossa
  • Depilação com lâminas velhas
  • Falta de esfoliação

Sintomas de pelo Encravado

Como os pelos que nascem por dentro da pele não tem por onde sair, naturalmente eles irão forçar aquela região em que estão, causando dor naquele local, se ocorrer em locais onde há contato pele a pele a situação poderá ser ainda mais dolorida, além de dor a região poderá ficar avermelhada e com aspecto de uma espinha, em casos mais graves poderá formar cistos na pele e formarem pus.

Como evitar pelos encravados na virilha

Não só na virilha como também em qualquer outra parte do corpo que costuma surgir o pelo encravado, seguir algumas dicas poderá ser o suficiente para que esse problema seja controlado, seguindo nossas dicas não que dizer que os pelos encravados irão sumir de vez, mas serão muito mais raros de ocorrerem.

Dicas a seguir

  • Essa dica é principalmente para as mulheres que costuma usar rupas apertadas em qualquer ocasião, evite usá-las pelo menos em dias que fizer depilação na virilha
  • O ato de esfoliar a pele é benéfico pois assim é removido toda a pele morta que se encontra no tecido, impedindo assim que os folículos pilosos fiquem bloqueados por esse motivo, a esfoliação deve ser feita 4 dias antes da depilação e 10 dias após se depilar.
  • Antes de se depilar é fundamental tomar o cuidado para que sua pele esteja limpa e livre de bactérias, para isso toda vez que for se depilar, antes lave a região da virilha com um sabonete antisséptico.
  • Nunca passe a lâmina a seco, sempre opte por passar espuma ou creme para que os movimentos da lâmina seja mais suaves, e sempre passe as lâminas no sentido do crescimento dos fios.
  • Assim que terminar a depilação, procure lavar a região da virilha com água fria, dessa forma estará forçando os poros a se fecharem.

Como tirar

Na maioria dos casos não é necessário fazer nada para resolver essa situação, ela se resolve sozinha sem nenhum tipo de tratamento, porém leva um tempo.

Há profissionais que indicam que isso não deve ser feito em casa, mas as opiniões se dividem, existem aqueles que recomendam a remoção apenas se uma pequena parte de pelo estiver visível, mas a retirada deve ser feita com pinça devidamente esterilizada, e antes de realizar o procedimento é ideal lavar o local e também as mãos, assim evitará que possa ocorrer qualquer tipo de infecção no local.

Se o pelo não estiver visível, espremer só vai piorar a situação, podendo causar até pelo encravado na virilha com pus e infecção, nesses casos a melhor alternativa é fazer compressas com água morna e passar óleos para reduzirem a inflamação.

publicidade:

Se no final das contas não houver pontas de pelo para puxar para assim remover o pelo encravado, e a dor não cessa é ideal procurar um dermatologista para que ele avalie melhor a situação, ele poderá indicar algumas pomadas como a Furacin e o Nebacetim para inibir as bactérias e auxiliar na dor e inflamação.